ATLAS


Cl�lia Romano

 

Segurando o mundo nas costas,

como Atlas o her�i se concentra:

-FOR�A, FOR�A, FOR�A!

Um ponto de apoio

e carregar� o mundo!

 

O halteres sobre as imensas costas,

a coluna reta, os joelhos

em flex�o, olha para frente,

nunca para o ch�o.

 

Mas, no lado esquerdo,

quadril e joelho falseiam.

 

Como num grito de sobreviv�ncia

os bra�os atiram longe a carga,

e l� se vai o mundo,

mergulhando no espa�o infinito.

 

Assim tudo terminou.

Nenhum grito.

 





Procure pelo nome do autor, ou pelo t�tulo, ou por
palavra avulsa:

 




Manda esta p�gina a um amigo
  e-mail do amigo:


 



 

Atlas

A Villa-Lobos

I.M.L.

Chove

Sexta-feira em Sampa