A ferir-me, mann (II) - de José P. di Cavalcanti Jr.








- A ferir-me, Mann (II) -


José P. di Cavalcanti Jr.

 

 

Quisera-os, fossem,
mas hiacintos não são.

Ao ocre sol-pôr,
entrego-me
e também penso,
adiante estendida, a Grécia, alva,
delicados relatos trágicos.

Que hiacintos fossem,
amados,
mesmo se nascidos de sangue doce
com infinitas queixas inscritas,
mas não o são.
São flores só,
fábulas, fábulas,
só flores são,
também mortas ao vento.
Flores que atiro às ondas adriáticas,
sem ciúmes,
com minhas mãos.

Sem arco, sem cítara,
sem receber nas pálpebras,
quando cerradas,
gloriosos beijos,
tolamente a julgar-me apto para brincar com o belo,
desfaço-me, ao sol-pôr, das flores
e não me chegam,
aos braços, 
nem abraços, nem corpo algum desfalecido.

Hiacintos,
já disse, Mann,
estas flores - minhas - não são.
Ocre, esbatido,
a permanecer o sol-pôr
e ninguém usa, ali, cinto colorido
por sobre roupas brancas.
Por mil Venezas ferido, eu,
nem mesmo a Tadzio,
nunca darei avisos
porque avisos só são dados
a quem chega, a quem vem.

A ti,
que me transporta,
que me faz pensar em teus cirros brancos
qual rebanhos nos pastos dos deuses
e num espalhar de rosas tuas
começado à beira do mundo,
só posso dizer que concordo,
que concordo com tudo.
Concordaria, portanto, também
em só conhecer-te de vista:
a curiosidade, a excitação,
a insatisfeita histeria domada;
dentro do precisar falar,
o silêncio, a contemplação;
o respeitoso interesse...
A ser o anseio
resultante de conhecimento falho,
poder amar-te, então, e ter-te respeito
enquanto não conseguisse,
por tuas próprias conclusões,
julgar-te.

Embora nunca abandone
este teu adriático lançar de flores,
Mann,
sei que não consigo
formar, com meus lábios, nomes.
Certo estou que,
desfalecido,
o que sempre me chega
não é este ou aquele, não é o de Tadzio;
mais, porém, sensação,
sozinho, sem avisos também, sonhado,
é o corpo meu.
Traz-me sempre a mesma alma?

Hiacintos não são;
mas, quisera-os, fossem.


 

 



Mande esta página aos seus amigos! Basta clicar uma só vez!



 

Artesanato

Pensa-me

A ferir-me, Mann (II)

Petransivit gladius

Risco na pele